O que as mulheres devem fazer para ter uma vida mais saudável e tranquila?



Você sabia que a saúde da mulher só começou a ser levada a sério neste século? Pois é! Antigamente, englobava apenas a gravidez — e toda a fase gestacional. Entretanto, sabemos que o bem-estar feminino não se resume a essa questão.

Afinal, determinadas doenças atingem apenas as mulheres, como é o caso dos cânceres de mama e colo do útero. Nesse sentido, é fundamental que as pessoas do sexo feminino tenham o cuidado adequado com o próprio bem-estar, para prevenir esses problemas e, até mesmo, melhorar a qualidade de vida.

Pensando nisso, neste post reunimos algumas indicações sobre o que você precisa fazer para alcançar o conforto de uma vida mais sadia, tranquila e agradável. Veja a seguir!

Alimente-se bem

Você já deve estar cansada de ler por aí que precisa ter uma boa alimentação, não é mesmo? Mas isso é verdade! Desfrutar de uma dieta equilibrada vai permitir que o seu corpo receba todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo.

Assim, com o seu corpo desempenhando todas as funções corretamente, é possível prevenir problemas de saúde realmente sérios. Além disso, vai fazer bem para sua autoestima, uma vez que deixa a pele, cabelo e unhas hidratados, fortes e saudáveis.

Pratique atividades físicas

A prática de exercícios físicos é sempre interessante, principalmente, quando é aliada de uma alimentação balanceada. Uma combinação de atitudes que vai fazer bem para você de dentro para fora, já que reflete diretamente na estética do seu corpo também.

Mas os benefícios não param aí! Fazer essas atividades ajuda a relaxar a mente e deixa você menos estressada, porque libera hormônios responsáveis por aliviar as tensões. Aliás, é uma ação que colabora, ainda, para a sua saúde aliviando os sintomas, quando você está no período menstrual.

Faça exames regularmente

Um dos principais cuidados que precisamos ter no que diz respeito a saúde da mulher, é a realização de exames de rotina. Isso é fundamental para conseguir diagnosticar doenças precocemente — como o câncer de mama — e garantir que os tratamentos se iniciem o mais depressa possível.

Afinal, quanto mais cedo você inicia o procedimento, maiores as chances de vencer esse obstáculo. Portanto, a mamografia e o exame de Papanicolau devem ser feitos, pelo menos, uma vez ao ano.

Mas os exames não se restringem a essa rotina, ok? A partir do momento que perceber algo de errado em você, no quesito saúde, deve procurar um profissional para descobrir a seriedade do problema. Uma simples manchinha que aparece na sua pele e muda de cor pode ser um tipo de câncer, sabia? Por isso, sempre visite o médico!

Além do mais, se você não pretende ser mãe — pelo menos no momento —, precisa ir ao médico ginecologista para discutir sobre métodos contraceptivos e decidir pelo que se adequa melhor ao seu organismo ou hábitos.

Cuide da saúde mental

Ser mulher é ser estereotipada, julgada e sofrer pressões sociais que podem refletir negativamente nas nossas vidas. Afinal, a saúde engloba muito mais do que o bem-estar físico. É preciso cuidar do psicológico também.

Nesse cenário, além dos rótulos que o público feminino recebe constantemente, o preconceito, as violências, cobranças e esforços multiplicados — como a jornada tripla de trabalho de muitas mulheres —, fazem com que a saúde mental vá por água abaixo.

Diante disso, a depressão, ansiedade, distúrbios alimentares, estresse e insônia, por exemplo, são problemas recorrentes e que merecem a devida atenção. Por isso, ter acompanhamento psicológico é importante. Faça terapia! Ela é muito boa para manter a cabeça sempre no lugar.

Finalmente, a saúde da mulher é fundamental para ter uma vida mais confortável e tranquila. Portanto, coloque-se como prioridade! Cuide de si mesma e nunca permita que as necessidades de outra pessoa sobressaiam às suas.

Gostou deste artigo? Você já seguia essas recomendações? Compartilhe e contribua para que outras mulheres entendam a importância de cuidar da própria saúde!

Deixe um Comentário

dois × 2 =