Entenda a diferença entre dieta e reeducação alimentar



Conheça as vantagens de cada uma delas e suas principais finalidades

Para conseguir perder peso algumas mudanças são necessárias, principalmente na alimentação. Várias dietas conhecidas são adotadas atualmente com a promessa de emagrecimento e uma vida mais saudável. Contudo, embora sejam eficazes em certos casos, também encontramos pessoas que não conseguiram alcançar o resultado desejado. Por que isso acontece?

Acredita-se que melhor forma de emagrecer com saúde é por meio de uma mudança diária de hábitos. O que muitos não sabem é que existe uma diferença entre dieta e reeducação alimentar, onde cada um possui seus métodos, objetivos e resultados.

Para entender melhor essas distinções, conheça um pouco sobre elas abaixo.

O que é dieta?

Geralmente a dieta está relacionada a restrições de certos tipos de comidas. Na busca pelo emagrecimento ou para tratamentos de doenças, alguns grupos de alimentos são cortados das refeições durante um período. Ela é prática e de curto prazo.

Especialmente nesses casos é fundamental a orientação de um profissional da área de nutrição. Dietas restritivas tendem a ser perigosas quando não há um acompanhamento adequado, pois o nosso corpo precisa de certos tipos de nutrientes para se manter saudável.

Por isso o cuidado deve ser dobrado na hora de selecionar os alimentos não permitidos, para que vitaminas importantes não deixem de ser consumidas. O ideal é fazer uma substituição, retirando aquilo que é prejudicial para o seu objetivo e colocando no lugar outras comidas que tenham a mesma carga de nutrientes.

O que é reeducação alimentar?

Enquanto a dieta trabalha a curto prazo, com resultados que podem não ser duradouros, toda a estrutura da reeducação alimentar está voltada para resultados a longo prazo. Isso acontece porque existe a preocupação em permanecer durante muito tempo os hábitos aprendidos, ou seja, educando alguém para uma nova rotina de alimentação.

Não há restrições exageradas de comidas, mas uma tentativa de manter o equilíbrio entre elas. Alguns especialistas acreditam que uma dieta pode ser transformada em reeducação alimentar, se a pessoa der continuidade a esse plano.

Quais as principais diferenças entre elas?

As duas possuem métodos diferenciados e, na maioria das vezes, são úteis para determinados objetivos que podem divergir entre si. Mas isso não significa que deixam de se complementar de alguma forma. O ideal é saber o seu propósito e identificar qual delas será mais eficaz para alcança-lo.

Dieta:

  • É a curto prazo, pois busca restringir certos alimentos durante um curto período para ganhar resultados rápidos.
  • Eficaz para controlar algumas doenças que contêm interferência direta de comidas, como hipertensão, diabetes e colesterol.
  • Não é a melhor opção para quem deseja perder peso. Por se tratar de um método rápido, o risco de voltar a engordar novamente é maior, já que não houve uma mudança diária de hábitos que são capazes de fazer o peso permanecer.

Reeducação alimentar:

  • É a longo prazo. Possui resultados mais lentos, onde as mudanças na alimentação acontecem aos poucos até se tornarem definitivas.
  • Ensina a estrutura dos alimentos, sendo mais fácil reconhecer o que são mais saudáveis e os que devem reduzir o consumo.
  • É a recomendada para quem deseja emagrecer, pois modificar a rotina de alimentação e praticá-la diariamente ajuda a manter o peso perdido.

Descubra a forma ideal para você

Como citado anteriormente, é necessário identificar a sua necessidade para finalmente encontrar o método mais indicado para você. Isso ajuda a não perder tempo com dietas ineficazes e evitar a frustração. A melhor forma sempre será com o auxilio de um profissional de nutrição.

Alguns metabolismos são mais acelerados que os outros. Questão que influencia significativamente na hora de seguir um plano alimentar para emagrecer. Saber quais comidas consumir que interferem positivamente no seu organismo, sem deixar de oferecer nutrientes, é um passo importante para conquistar seu objetivo.

Conseguiu tirar as suas dúvidas sobre dieta e reeducação alimentar? Comente o que achou! E para que mais pessoas conheçam a diferença entre elas, compartilhe nas suas redes sociais!

Deixe um Comentário

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support