Como começar a cuidar da pele: rotina de skincare para iniciantes



Dicas indispensáveis para quem quer cuidar melhor da sua pele

Uma pele bem cuidada e natural é aliada da autoestima. Nem todos possuem o hábito de higienizar e tratar o rosto adequadamente, ocasionando em várias complicações na pele como acnes, ressecamento ou oleosidade, manchas e até envelhecimento precoce.

O termo em inglês skincare, que significa literalmente cuidados com a pele, recebeu uma forte popularidade nos últimos tempos através da internet, onde influenciadores e profissionais usam suas redes sociais para dar dicas sobre o assunto e evidenciar sua importância.

Se você deseja adquirir uma rotina de skincare, mas não sabe por onde começar, separamos alguns passos essenciais para deixar a sua pele bonita e saudável.

Primeiro saiba qual é o seu tipo de pele

Embora exista um certo padrão básico na rotina de skincare, os produtos utilizados variam de acordo com cada pessoa. Investir em cosméticos com recomendações diferentes para o seu tipo de pele pode ampliar os problemas nela já existentes e gerar outros ainda piores.

Por isso é importante consultar um dermatologista que saberá identificar com exatidão o estado da sua pele. Em geral, especialistas definem quatro tipos de pele, qualificadas pela elasticidade, poros e zonas de oleosidade.

  • Pele normal: a indicada e que todos desejam alcançar. Ela possui uma textura saudável e produz uma quantidade adequada de gordura, além da boa elasticidade. É difícil desenvolver cravos e espinhas pelo tamanho pequeno dos poros.
  • Pele seca: a falta de hidratação é uma questão predominante nesse tipo de pele, contendo pouca quantidade de água retida. É predisposta a rugas, fissuras e demarcações.
  • Pele oleosa: com maior tendência à produção de cravos e espinhas, ela possui poros mais dilatados e aparência brilhante e úmida, sofrendo com a alta produção de sebo.
  • Pele mista: mescla entre oleosa e seca, onde em alguns pontos do rosto, como a zona T (região frontal, nariz e queixo), é mais oleosa, enquanto em outras áreas, como nas bochechas e extremidades do rosto, pode estar ressacada ou normal.

Montando sua rotina de skincare

Antes de tudo, lembre-se de que uma alimentação saudável, acompanhada de exercícios e sonos regulados, é essencial para sua pele tanto quanto ou ainda mais que os cosméticos. Cuidar do organismo e da pele devem andar de mãos dadas.

Confira o passo-a-passo:

1. Limpeza

O primeiro passado é limpar bem o seu rosto duas vezes ao dia, pela manhã e à noite. Isso serve para remover a sujeira acumulada, reduzindo o excesso de oleosidade e, se houver maquiagem, tirar todo resíduo dela.

Um erro muito comum é usar sabonete corporal nesse processo, mas isso acaba gerando grande oleosidade na região. Por isso você deve sempre utilizar um sabonete fácil, próprio para a área.

2. Hidratação

É uma etapa fundamental para qualquer tipo de pele, inclusive as oleosas. Apesar disso, o produto deve atender às recomendações necessárias para o seu rosto e precisa ser feito diariamente.

3. Proteção solar

O uso diário do protetor solar é mais que recomendado: é extremamente necessário. Cada dia de exposição solar a sua pele fica mais danificada devido à radiação ultravioleta (UVA). Além de causar manchas na pele, a ausência de proteção contra o sol aumenta a probabilidade de desenvolver câncer.

Use até mesmo dentro de casa, pois os raios solares atravessam vidros e janelas. Não são tão nocivos quanto a exposição em lugares abertos, mas também são prejudicais se não houver proteção.

4. Esfoliação

Para não agredir a pele, essa etapa não deve ser feita diariamente. Uma vez por semana já o suficiente para remover as células mortas, diminuir cravos e controlar a oleosidade.

Cuidar da pele é um investimento que vale a pena, pois quando feito de forma constante tem resultados a curto e a longo prazo. Você verá os efeitos do skincare não somente no seu dia a dia, mas também após os anos, preservando um rosto limpo e protegido contra a ação precoce do tempo.

Deixe um comentário

1 × 5 =