5 problemas causados pela obesidade que talvez você não saiba



Diante da praticidade do fast-food, aliada ao sedentarismo, resultado, muitas vezes, da falta de tempo no dia a dia, a obesidade tem atingido cada vez mais pessoas. Além disso, fatores genéticos e hormonais também podem ser os motivadores da doença.

Considerada uma das mais perigosas do mundo, a obesidade é uma doença crônica que pode levar à morte. Ainda, ela é responsável por desencadear outros problemas de saúde, uma vez que o excesso de peso afeta negativamente o corpo de inúmeras formas.

Nesse sentido, combatê-la é mais do que estética, é uma questão de saúde pública. Dessa maneira, entendendo as consequências, fica mais fácil perceber os motivos pelos quais ela precisa ser combatida. Para isso, neste post mostramos 5 problemas causados pela obesidade que talvez você não conheça. Confira!

1. Colesterol alto

O colesterol é um tipo de gordura que o nosso próprio organismo atua na produção. Dividido em HDL (colesterol bom) e LDL (colesterol ruim), ele é necessário porque compõe uma parte da estrutura das células, garantindo o funcionamento adequado delas.

Assim, enquanto você se alimenta corretamente e pratica atividades físicas, tudo está sob controle. Contudo, a partir do momento em que você tem péssimos hábitos alimentares e não se exercita, as chances do colesterol alto aparecer são grandes.

Isso porque essa atitude costuma elevar os níveis da gordura, o que pode causar um problema ainda mais grave de entupimento das artérias, aumentando os riscos de infarto, por exemplo.

2. Diabetes tipo 2

O nosso pâncreas é responsável por produzir a insulina — hormônio que facilita a entrada da glicose nas células. Então, quando a pessoa está com obesidade, é comum que o órgão produza mais insulina repetidamente.

Logo, o pâncreas trabalha muito mais do que o normal e acaba falhando em realizar a sua função corretamente. Nesse sentido, a glicose vai se acumulando, porque a insulina não agiu, o que leva à diabetes tipo 2.

Esse problema é bastante grave, dado que é uma doença crônica que resulta do sobrepeso. Isso significa que ela não tem cura, mas tem tratamento. E ele deve ser levado à risca, pois a diabetes pode causar desde cegueira, até mesmo amputação!

3. Hipertensão

A hipertensão é resultado da pressão arterial elevada e é um dos problemas causados pela obesidade mais preocupantes, pois é capaz de levar à óbito. Esse distúrbio acontece quando a pessoa não se alimenta corretamente, consumindo muito sal e gorduras saturadas.

Vejamos, alguém que está obeso é porque, naturalmente, não come bem e nem pratica exercícios. Então, os vasos são mais apertados, o que causa a hipertensão. Ainda, esse problema provoca outras complicações.

Dentre elas, estão o AVC (Acidente Vascular Cerebral) e infarto. Por esse motivo, é importante combater a obesidade, já que a hipertensão é silenciosa, dificultando o diagnóstico.

4. Artrose

Todas as articulações do corpo humano apresentam cartilagem. Ela é responsável por proteger e amortecer os ossos dos impactos. Mas alguns fatores contribuem para o desgaste desse tecido.

É o caso da obesidade. Isso porque o excesso de peso costuma deteriorar gradativamente o tecido cartilaginoso e, com o passar do tempo, os ossos não terão proteção nenhuma. É aí que surge a artrose.

Ela é caracterizada como uma dor nas articulações, inchaço, sensibilidade e limitação de movimento, sintomas capazes de atrapalhar bastante a qualidade de vida de quem sofre com o problema.

5. Depressão

Como deu para perceber, a obesidade causa inúmeros problemas. Por esse motivo, muitas pessoas que sofrem com a doença, costumam ser diagnosticadas com depressão. Afinal, tantas questões de saúde acabam provocando transtornos psicológicos.

Além disso, o excesso de peso, muitas vezes, impacta diretamente na autoestima. Isso faz com que a pessoa se sinta mais cabisbaixa. Ademais, nos casos de obesidade mórbida, em que há uma enorme dificuldade para simplesmente levantar-se da cama, é comum apresentar uma certa desmotivação.

Todas essas questões podem levar os pacientes obesos à depressão. Dessa maneira, é muito importante combater a obesidade, a fim de evitar esse quadro depressivo que atrapalha bastante a qualidade de vida.

Enfim, os problemas causados pela obesidade são vários e eles vão muito além dessa lista. Por isso, é fundamental ter sempre uma alimentação equilibrada e praticar exercícios físicos regularmente.

Além do mais, fazer exames de rotina também é crucial! Assim, você consegue descobrir se tem predisposição para a obesidade, já que fatores hormonais, por exemplo, podem provocar a doença também.

Compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais e ajude no combate à obesidade!

Deixe um Comentário

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support